29 de jul de 2010

Maria vai acabar como eu...


Maria anda como eu.impossibilitada de fazer tudo o que quer.tem mãos amarradas,ar de doente,olhar de demente,cansada.Maria vai acabar como eu:covarde nas decisões,amante das cousas indefinidas e querendo compreender suicidas.Maria vai acabar assim sem rumo,andando por aí,fazendo versos e tendo acessos nostálgicos.Maria vai acabar bem tristemente.De qualquer jeito,lendo jornais,tendo marido indefinido.(Não sei porque Maria quer compreender muito, demais a vida do suicida e Maria vai acabar se fartando da vida.)A vida, coitada,é camarada,gosta de Maria,quer fazer Maria viver mais,porque Maria é desgraçada,quer deixá-la para o fim,assim a mostra,e eu francamente não entendo porque Maria não gosta da vida.

Hilda Hilst

4 comentários:

  1. Maria precisa ver a vida de uma forma diferente, ela precisar puxar o fio de esperança que enlaça sua cintura com tal suavidade de uma pluma...

    ResponderExcluir
  2. Eu entendo perfeitamente a Maria =[

    Bjos minha querida

    ResponderExcluir
  3. Maria, relmente precisa ver a vida de forma diferente,
    hahaha,
    perfeito o post.
    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  4. amei o texto , também estava dessa forma ultimamente...
    amei o blog aqui , comecei agora o meu , eu escrevo meus textos e se você puder visitar lá e deixar sua opinião seria uma honra , estarei agradecida (:

    beijo :*

    ResponderExcluir

Agradecemos a preferência.Volte sempre ! :)