27 de nov de 2010

O apanhador de desperdícios

Uso a palavra para compor meus silêncios.
Não gosto das palavras
fatigadas de informar.
Dou mais respeito
às que vivem de barriga no chão
tipo água, pedra, sapo.
Entendo bem o sotaque das águas.
Dou respeito às coisas desimportantes e aos seres desimportantes.
Prezo insetos mais que aviões.
Prezo a velocidade
das tartarugas mais que a dos mísseis.
Tenho em mim esse atraso de nascença.
Eu fui aparelhado
para gostar de passarinhos.
Tenho abundância de ser feliz por isso.
Meu quintal é maior do que o mundo.
Sou um apanhador de desperdícios:
Amo os restos,
como as boas moscas.
Queria que a minha voz tivesse um formato de canto.
Porque eu não sou da informática:
eu sou da invencionática.
Só uso a palavra para compor meus silêncios.

Manoel de Barros

11 comentários:

  1. Isso são manias nossas.... eternamente apanhadoras de desperdícios!

    beijos querida

    Na sua estante está linda!

    ResponderExcluir
  2. Oieee... Vim aqui pra dizer que tem um selo pra vc no meu blog!

    Beijinhos e Parabéns por esse blog que eu não sou apenas seguidora, sou fã!

    ResponderExcluir
  3. Fato que sou também uma apanhadora de sonhos!

    Beijinhos e parabens, essa foi uma das coisas mais lindas que já li.

    ResponderExcluir
  4. E os silêncios são tão importantes! ;)

    Bjito directamente da Lua

    ResponderExcluir
  5. Que lindo que está aqui!
    As palavras só podem existir a partir do silêncio. Escrevem-se e inscrevem-se nele.

    ResponderExcluir
  6. Oi Lílian!
    Ontem eu não estava conseguindo visitar seu blog, levei um susto.
    Tenho a mania de pensae sempre o pior kkkkk

    Enfim, também tenho optado pela simplicidade das coisas, pela grandeza das coisas pequenas... é assim que a vida fica bonita!

    Beijocas!

    ResponderExcluir
  7. Esse post é perfeito, é tão eu!

    Ah, e adorei a frase do layout, é perfeito!

    Beijos, Lilian!

    ResponderExcluir
  8. As vezes preciso ficar em silencio, comigo, em mim. Adorei o texto.
    :D

    ResponderExcluir
  9. Amo essa desconstrução de Manoel de Barros!!

    ResponderExcluir

Agradecemos a preferência.Volte sempre ! :)